Home / Teatro / Sesc Santo Amaro recebe Ñaña, peça peruana do festival MIRADA

Sesc Santo Amaro recebe Ñaña, peça peruana do festival MIRADA

Sesc Santo Amaro é uma das unidades do Sesc no estado de São Paulo a pegar carona no expresso Extensão MIRADA. A montagem peruana “Ñaña” será apresentada nos dias 15 e 16 de setembro, sábado (21h) e domingo (18h). O espetáculo faz parte da 5ª edição do MIRADA – Festival Ibero-Americano de Artes Cênicas – que acontece na cidade de Santos e se estende por mais oito cidades da região – e será conectado à programação da zona sul da capital.

No total, a edição de 2018 do MIRADA recebe mais de 40 espetáculos nacionais e internacionais que têm como premissa dialogar sobre temas políticos e sociais contemporâneos.

Por meio do teatro e da cultura popular, usando de narrativas biográficas, de linguagem documental e de propostas interdisciplinares, “Ñaña” aborda, principalmente, a condição da mulher, bem como suas diferenças e complexidades.

O encontro e a relação entre mulheres de diferentes contextos sociais é o ponto de partida de “ÑaÑa”, que tem Claudia Tangoa na direção e, no elenco, Alexa Centurión e Verony Centeno. A peça acompanha o cruzamento da vida de Lucy e Elisa – que foi resgatada de uma situação familiar abusiva. Juntas, ambas passam a enfrentar as dificuldades da condição de ser mulher e buscam por um lugar no mundo.

Para o diretor regional do Sesc São PauloDanilo Santos de Miranda, os países ibero-americanos partilham de raízes comuns, apesar da multiplicidade étnica e de aparentar características distintas. Assim, existe a possibilidade de, por meio dessas montagens, discutir “novas bases de entendimento e diálogo para possíveis pactos de convivência e representatividade social.”

SINOPSE | ÑAÑA

Lucy e Elisa são duas jovens que cresceram em um mesmo povoado da selva peruana, mas em contextos muito diferentes. Suas vidas se cruzam anos depois, quando Elisa é adotada pela mãe de Lucy. Elas se mudam para a cidade de Lima (Peru). As irmãs lutam para vencer a solidão em que se encontram e tentam construir, juntas, um lugar a qual pertencer: um lar para elas. Montagem baseada em uma história real. (Foto: Acervo).

FICHA TÉCNICA

Direção e dramaturgia: Claudia Tangoa
Elenco: Alexa Centurión e Verony Centeno
Direção audiovisual e iluminação: Julián  Amaru  Estrada  e  Rodo  Arrascue
Direção musical: Alejandro  Rivas  e  Maria  Laura  Bustamante
Direção de arte: Jose  Ignacio  Balarezo
Assistente de direção: Telmo  Arévalo

SERVIÇO

EXTENSÃO MIRADA

ÑAÑA (PERU)

Quando: Dias 15 e 16 de setembro de 2018.

Horário: Sábado, às 21h; Domingo, às 18h.

Local: Espaço das Artes (1º andar). Capacidade 80 lugares

Duração: 60 minutos | Classificação: 14 anos

Ingressos: R$ 50,00 (inteira); R$ 25,00 (estudantes, +60 anos e aposentados, pessoas com deficiência e servidores da escola pública) e R$ 15,00 (Credencial Plena válida: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciados no Sesc e dependentes).

SESC SANTO AMARO

Bilheteria e horário da unidade: Terça a sexta, das 10h às 21h30. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h30.

Endereço: Rua Amador Bueno, 505.

Acessibilidade: universal.

Estacionamento da unidade: R$ 5,50 a primeira hora e R$ 2,00 por hora adicional (Credencial Plena); R$ 12,00 a primeira hora e R$ 3,00 por hora adicional (outros).

Preço único mediante apresentação de ingresso (a partir das 18h): R$ 7,50 (Credencial Plena) e R$ 15,00 (outros).

Disponibilidade: 158 vagas para carros e 36 para motos. A unidade possui bicicletário gratuito.

Sobre ArteView

Veja Também

Grupo Tapa apresenta as peças 12 Homens e Uma Sentença e A cantora Careca no TUSP

De 15 de novembro a 16 de dezembro o TUSP, teatro da USP localizado na Rua Maria Antônia, …

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.