Home / Teatro / O Terceiro Sinal, com Bete Coelho no Teatro Oficina

O Terceiro Sinal, com Bete Coelho no Teatro Oficina

Um espetáculo que parte da experiência de um “não ator”, interpretando o papel de um repórter investigativo numa peça de Nelson Rodrigues – encenado num dos teatros mais importantes do Brasil – e que em sua vida real é um jornalista interessado em atuar e reportar os mistérios da atuação e as inconfessáveis particularidades do fazer teatral.

Este é o mote de “O Terceiro Sinal”, peça do jornalista e dramaturgo Otavio Frias Filho, protagonizada por Bete Coelho, com direção de Ricardo Bittencourt – que juntos com o diretor de vídeo, Gabriel Fernandes, formam a Cia BR116. O texto ganha uma nova e especial montagem justamente no espaço onde foi inspirada: o Teatro Oficina. A estreia ocorrerá no dia 23 de março, com sessões às sextas e sábados às 21h e domingos às 19h, até o dia 20 de maio.

Trata-se de um espetáculo totalmente novo, em que Bete Coelho terá a companhia em cena das atrizes Luiza Curvo e Luisa Renaux, do ator Thomas Carvalho e de Murillo Carraro, que assina também a direção de palco e cenotécnica. Vale ressaltar que a peça foi originariamente extraída de um dos “ensaios de risco” do livro “Queda Livre”, do próprio autor, e narra uma experiência de Frias em 2010, quando participou de uma montagem de “Boca de Ouro”, de Nelson Rodrigues, no Teatro Oficina.

“O espetáculo chega ao local onde teve início, ele ganha seu habitat natural no Oficina”, explica Bete Coelho. A atriz enfatiza ainda que “nesta montagem, tudo que era convencional deixa de existir. Os olhos do público não têm um ponto definido, os atores trazem a plateia para dentro do espetáculo”.

Concepção – Utilizando-se um humor fino e irônico, “O Terceiro Sinal” busca apresentar e refletir o teatro sob o ponto de vista interno, não só fisicamente, mas também nos aspectos relevantes da atuação durante ensaios e apresentações. Com um conteúdo artístico didático e histórico, o autor traça uma análise minuciosa sobre o processo criativo do ator, revelando ao mesmo tempo os caminhos muitas vezes tortuosos para se chegar à cena, mecanismos internos e conhecimentos necessários para se tornar um “filho deste culto milenar”.

“A peça disseca a feitura teatral. Ela acompanha de perto o reverso da representação, com uma reflexão profunda sobre teatro e ator”, explica Bete Coelho.

Já sobre a nova encenação, o diretor Ricardo Bittencourt ressalta que “essa montagem no Oficina exige uma interpretação nova de Bete e do elenco. Com os novos atores será possível trazer e ampliar as referências estéticas do Boca de Ouro”.

Enredo – Permeada pelo humor irônico de um narrador falsamente fleugmático, a peça conduz a plateia por uma viagem emocionante, sem nunca perder o tom racional que faz do espetáculo um exercício de especulação intelectual. Por trás dessa narrativa está a proposta de explorar os limites pessoais, ou quem sabe, a ideia tentadora de “ser outro”.

“A montagem no Oficina, sob a benção do Zé Celso, também firma um posicionamento de apoio da nossa companhia, a BR 116, ao Oficina, não só por conta do momento de disputa que vem passando, mas sobretudo pelo que representa ao teatro brasileiro”, enfatizam Bete e Ricardo, em nome da BR 116.

 

 

FICHA TÉCNICA

Atriz: Bete Coelho

Diretor: Ricardo Bittencourt

Atores coadjuvantes: Luiza Curvo, Luisa Renaux, Thomas Carvalho e Murillo Carraro

Dir. de palco e cenotécnico: Murillo Carraro

Diretor de vídeo: Gabriel Fernandes

Câmera ao vivo: Igor Marotti

Técnico/Operador de som: Cauê Andreassa

Técnico/Operador de Luz: Luana Della Crist

Diretor de produção: Gabriel Fernandes

Produção: André Bortolanza

Realização: Cia. BR116

Figurino: Cassio Brasil

Diretor de Comunicação: Maurício Magalhães

Fotos: Jennifer Glass

 

Espetáculo “O Terceiro Sinal”

Estreia: 23 de março, sexta-feira, às 21h

Temporada até: 20 de maio

Horários: Sextas e sábados às 21h e domingos às 19h

Local: Teatro Oficina

Capacidade: 300 lugares

Endereço: Rua Jaceguai, 520 – Bela Vista

Telefone: (11) 3104-0678

Classificação etária: 14 anos

Duração: 60 minutos

Ingressos: R$ 40,00 inteira; R$ 20,00 meia; R$ 20,00 moradores do bairro do Bixiga

Sobre ArteView

Veja Também

O Julgamento Secreto de Joana D’Arc no Teatro Oficina

O espetáculo O Julgamento Secreto de Joana D’Arc estreia no dia 26 de julho (quinta-feira, às 20h) no Teatro Oficina, …

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.