Home / Música / MC Caverinha e Djonga cantam sobre racismo, preconceito e violência na inédita “Meu Corre”

MC Caverinha e Djonga cantam sobre racismo, preconceito e violência na inédita “Meu Corre”

O que acontece quando duas gerações distintas do rap, engajadas na luta antirracista e com talento de sobra, se juntam para lançar uma parceria no dia da Consciência Negra? A resposta para essa pergunta está no novo single e clipe “Meu Corre” – um dueto de ninguém menos que MC Caverinha e Djonga.

A música, já disponível nas plataformas digitais pela Elenko, aborda questões pertinentes a qualquer jovem negro que veio da periferia: preconceito, discriminação e, claro, o racismo impregnado na sociedade brasileira.

Mesmo de cidades e idades bem diferentes, Djonga e Caverinha passaram por experiências semelhantes, que ditam o flow escrito pela dupla e produzido por Cita e Jay. Revelação do trap, o adolescente não escondeu o fascínio de gravar ao lado do seu ídolo e maior rapper do Brasil. “Uma vez me perguntaram três artistas que gostaria de gravar. Respondi Djonga, Djonga e Djonga”, brincou.

Ao lado do músico mineiro, Caverinha pode aprender e, assim, criar mais um hit do seu catálogo. Mais importante que tudo isso, ambos puderam transmitir uma mensagem de emancipação a todos aqueles que são marginalizados pela elite. 

“É difícil não só para mim, mas para vários ‘molecadinha’ na quebrada de todo o Brasil. A meta é estudar, focar no sonho e quebrar barreiras”, completou o Príncipe do Trap, quando perguntado sobre como é crescer sendo negro e vindo da periferia em um país tão desigual.

Sobre Padrão do site

Avatar

Veja Também

Gloria Groove lança “Suplicar”, mais uma faixa do EP “Affair”

Gloria Groove anuncia, para a alegria dos fãs, a faixa “Suplicar”, o quarto lançamento do …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.