Home / Música / Assim tocam MEUS TAMBORES, o novo album de Marcelo D2

Assim tocam MEUS TAMBORES, o novo album de Marcelo D2

Em um momento de redescobertas e de ressignificação de comportamentos, Marcelo D2 canalizou toda sua energia criativa na concepção de sua mais nova obra. Através de sua arte, interagiu com milhões de pessoas dos mais diversos lugares do mundo, despertou possibilidades, descobriu novos caminhos e construiu uma comunidade colaborativa em torno de um único propósito: dar vida à manifestação artística que pulsava dentro dele e de cada uma das pessoas que a ele se conectaram neste movimento inédito de co-criação.

O resultado deste processo criativo é “Assim tocam os MEUS TAMBORES”, obra transmídia contemplando álbum e filme, que serão apresentados em transmissão ao vivo no canal do artista na Twitch, dia 26 de setembro, a partir das 13h: http://www.twitch.tv/marcelod2

De forma pura e com uma humildade e simplicidade extremas, Marcelo se despiu de seus medos, esnobou vulnerabilidades e compartilhou sua verdadeira essência com o público em mais de 150 horas de lives em seu canal na Twitch. De choros ao vivo à audios de whatsapp e ligações para amigos e outros artistas, D2 habilmente rompeu o limiar entre real e virtual. Como um maestro que rege sua orquestra, ou melhor, como um rapper que domina intimamente a cultura de resistência, ele nos transportou para dentro de sua mente e permitiu que tivéssemos acesso à genialidade efervescente que reside em suas ideias ao abrir todo o seu processo criativo de maneira transparente e gentil.

Como fio condutor dessa enorme energia, Marcelo envolveu sua família, seus amigos e sua equipe em uma só vibração. Os tambores de Marcelo D2 ressoam amor, cumplicidade, unicidade e dedicação.

E se existe uma força que faz com que esses tambores rufem, ela se chama Luiza Machado. Esposa de Marcelo e diretora executiva do projeto, Luiza brilha não só ao agregar todo seu conhecimento intelectual e artístico à obra ou ao gerenciar todos os trâmites que envolvem uma produção fonográfica, mas é cantando e atuando que temos um vislumbre de sua luz. Além de participar em duas faixas do álbum – ROMPEU O CORO e É AMANHÃ (VEM) – ela contracena com D2 no média metragem que acompanha a obra.

Seus filhos Maria Joana, Luca e Sain também tem importante papel em todo esse movimento. Maria Joana registrou os bastidores do processo e sua produção em breve será lançada nos canais do pai. Com suporte do time da Missclick, Luca foi o grande responsável pela moderação dos chats da Twitch e pelo suporte tecnológico durante as transmissões que chegaram a ter mais de 10 horas de duração com uma programação que intercalava apresentações de artistas dos quatro cantos do mundo com entradas ao vivo de D2 e inserções de vídeos pré-produzidos. Já Sain presenteia o pai com suas rimas, versando ao lado dele e do rapper Djonga na faixa PELO O QUE EU ACREDITO, que encerra o álbum.

Certamente a obra mais colaborativa de seus 25 anos de carreira, Assim tocam os MEUS TAMBORES é fruto da comunidade estabelecida por D2 em torno deste grande manifesto. Os CRIA, integrantes assíduos e ativos dos chats do seu canal na Twitch, participaram na escolha de beats, sugeriram participações especiais e até mesmo colaboraram na composição das letras e na gravação de voz. A faixa AS SEMENTES é composta por um coro de mais de 100 vozes enviadas através do chat.

Além do envolvimento do público, Marcelo contou com um time de músicos e artistas que se uniram a ele na missão de traduzir toda a magnitude de influências e de inspirações que compõem os sons dos seus tambores: Anelis Assumpção, Baco Exú do Blues, BK’, Criolo – que narra o mito Bakongo da criação do tambor escrito pelo historiador Luiz Antônio Simas – Da Lua, Djonga, Don L, Eduardo Santana, Helio Bentes, Ivan Conti “Mamão”, João Parahyba, Jorge du Peixe, Juçara Marçal, Kassin, Kiko Dinucci, Luiza Machado, Nobru, Ogi, Rodrigo Tavares, Rogê, Russo Passapusso, Sain e Thiago França.

Nave, DJ Nuts, Kamau, Dr. Drumah, Barba Negra e Tropkillaz assinam a produção dos beats. Quem assina a masterização é Jonathan Maia. Já a mixagem do álbum fica por conta do amigo de longa data – e ganhador do Grammy Latino por duas vezes – Mario Caldato Jr.

A necessidade pessoal de constante renovação e sua elevada sensibilidade de inovação fazem de Assim tocam os MEUS TAMBORES uma obra de arte transmídia. As diversas facetas do artista ficam ainda mais evidentes em ATOMT. É possível ver, ouvir e interagir com a obra em diferentes níveis.

Além das lives, a experiência de contato começou em agosto em parceria com a Noize Record Club com a pré-venda do vinil translúcido acompanhado de uma revista que conta em detalhes o processo de criação do álbum. As unidades destinadas à não assinantes do clube esgotaram-se em poucos minutos e a edição é a maior tiragem da história da Noize.

D2 lançará também uma coleção limitada de peças de merchandising assinadas por Pedro Andrade (P. Andrade) e Felipe Yung “Flip” – que também assina toda a identidade visual do projeto.

Dando continuidade ao seu conceito de “disco pra ver”, Assim tocam os MEUS TAMBORES também é um filme. Produzido e dirigido por Marcelo D2, com produção executiva de Luiza Machado e realizado pela PUPILA DILATADA – produtora do casal, o média metragem é todo filmado na casa de Marcelo e Luiza. Assim como os dois foram os atores principais na construção de todo esse processo, o filme os traz contracenando em casa.

Disruptivo, revolucionário, inovador, uma pessoa de coração imenso e um artista brilhante. Tudo isso reflete intensa e vividamente em sua obra. Senhoras e senhores, esse é Marcelo D2 e assim tocam os seus tambores.

Sobre Padrão do site

Avatar

Veja Também

Morenna lança clipe de Videogame, feat com o rapper DaLua e produzido por Pedro Lotto, pela Warner Music Brasil

Revelação do pop brasileiro, a cantora capixaba Morenna lançará no dia 23/10 o clipe do …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.